sexta-feira, agosto 22, 2008

Põe o carro, tira o carro...

...e pensar que só cá vim a um casamento há uma semana atrás!
A festa de Santa Eugénia começou ontem... Quando cheguei do meu passeio matinal havia música ambiente em toda a aldeia... e que música! Pimba do mais pimba que há. A comissão de festas teve a cortesia de instalar altifalantes em todos os postes de iluminação da aldeia, e o poste em frente aqui de casa não foi excepção (deve ser castigo por alguma coisa que eu fiz)... Enfim, se eu já me estava a arrepender de ter ficado para a festa, confirmo agora o arrependimento!
Ontem à noite deixei as minhas sobrinhas irem sozinhas para o Baile com a premissa que voltavam o mais tardar à 1 da manhã (depois da final do torneio de futebol de 5 houve "conjunto" e bailarico na Trigueira)... Como adormeci relativamente cedo com um dos livros da minha Mãe no colo não faço ideia se elas cumpriram o horario, mas nem me vou preocupar com isso... Aliás, antes de sairem vieram-me perguntar se eu achava que estavam bem vestidas, coisa inédita perguntarem-me isso a mim, mas como há já 3 dias que só estou cá eu e elas, devo estar a ocupar o lugar de... Mãe?!
Enfim, dei a opinião de homem, mais do que de tio: Qualquer coisa como eu achar que estão super bem, talvêz um pouco provocantes mas altamente sofisticadas, arriscam-se causar inveja nas outras miúdas e provavelmente a ouvir pirôpos dos rapazes, acrescentei que como são as duas muito bonitas não precisam de maquilhagem para nada, mas essa parte elas devem ter pensado que eu estava a falar em chinomarquês. Assegurei-me que ambas levavam "camisinhas" nas respectivas carteiras (coitadinhas, ficaram super envergonhadas) e acho que a subtil ensaboadela que lhes tinha dado ao jantar a respeito do porquê da Prima Sara se ter casado com 18 aninhos surtiu algum efeito.
...esta minha inesperada função de patriarca, combinada com o prazer que vejo na minha Mãe pelos pequenos arranjos e acabamentos que tenho feito cá em casa ajudam-me a combater a vontade de me pirar daqui, e ainda bem porque da maneira que isto tem andado o Norte chama cada vez mais por mim do que o Sul, e se me fizesse à estrada agora provavelmente acabava por ir ver o Mar do Norte outra vez (enfim, já me contentava com o Golfo da Biscaia). Por falar nisso, não me voltam a apanhar cá de carro no Verão outra vez, tanta falta me faz a minha moto...
Uma moto qualquer!

1 passageiros clandestinos:

Blogger Smootha chamou a hospedeira e disse:

O que me fizeste rir agora :)
Coitadas das moças, devem ter ficado bastante embaraçadas.
Ou o embaraço terá sido também do tio?
Parece que a pimbalhada tomou conta de todas as nossas festas populares. Que infelicidade.
Serão sinais dos tempos? Regredimos?
Beijo

5:06 PM  

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit