terça-feira, março 15, 2005

Desencontros

Quando estou em Lisboa digo que moro no Estoril.
Quando estou no Estoril digo que nasci em Lisboa.
Quando estou fora de lisboa digo que nasci em lisboa mas cresci no estoril (não digo onde moro).
Quando estou no porto digo que a minha familia é originária de lá.
Quando estou em Trás-os-Montes não preciso de dizer de onde sou.
Quando estou sozinho sei que sou de uma familia do Porto e tenho uma costela transmontana, mas nasci em lisboa e cresci no Estoril, o que faz de mim quem sou.

2 passageiros clandestinos:

Anonymous Rantanplan chamou a hospedeira e disse:

então e às bifas? o que se diz às bifas??

4:59 PM  
Anonymous Invisible chamou a hospedeira e disse:

Como sabes, as bifas passavam a vida a perguntar se eu era Italino, e eu a negar, e elas a fugir... Um dia disse que sim, que era Italino, Ferrari, Spagetti, Cicciolina e tal... A partir daí passei a ser o que elas queriam, Italiano, Espanhol, Francês e às vezes até era Português. Vendi-me. Com o passar dos anos amadureci, voltei para Portugal, sou Português, Nasci em lisboa, Cresci no Estoril, sou de uma familia do Porto e tenho uma Costela transmontana...

5:35 PM  

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit