domingo, outubro 19, 2008

Eucaristia Dominical

Dia de Missa, tão perto de casa e tão poucas vezes lá vou. Pelo caminho cruzei-me com vários Motards que só encontro mesmo na Missa, na concentração dos Domingos no Cabo da Roca. Não me demorei, bebi um café, tirei umas fotos e contemplei o Atlântico...
"Tráz-me um postal quando voltares".
No regresso deixei cair a mota, é a 3ª vez em quase 5 anos. Contrariamente ao que seria esperado de mim não me irritei com o pisca-pisca riscado.

7 passageiros clandestinos:

Blogger mfc chamou a hospedeira e disse:

Imagino bem o que é essa adrelanina de andar de mota!
Sente-se tudo mais intensamente.

8:56 PM  
Anonymous Deusa chamou a hospedeira e disse:

Tu és GRANDE Francisco, não é preciso conhecer-te para ver isso.

10:47 PM  
Anonymous Deusa chamou a hospedeira e disse:

Enganei-me. O meu comentário anterior era para o teu post antes deste.

10:49 PM  
Anonymous Olhares chamou a hospedeira e disse:

olha outra enganada... lol

11:14 PM  
Blogger Avis Rarum chamou a hospedeira e disse:

neste domingo estive a trabalhar à hora da missa, mas sempre deu pra passar na bomba para um rapido café...
que te aconteceu pra deixares cair a menina? ainda bem que nada de grave ocorreu...

1:02 PM  
Blogger Avis Rarum chamou a hospedeira e disse:

Este comentário foi removido pelo autor.

1:02 PM  
Blogger Piloto Automatico chamou a hospedeira e disse:

MFC: Um dia destes deixo-te dar uma voltinha, hehe

Deusa: Continuas a surpreender-me...

Olhares: Quando te passar a TPM vais ver que te sentes melhor.

Ave Rara: Foi um burn-out mal calculado na gravilha. Eu fiquei em pé mas a FAMEL deixou-se cair para o lado...

1:47 PM  

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit