sábado, maio 31, 2008

Ivete, estou aqui... Outra vez!

Não me canso de dizer que aquilo se devia chamar "Rock in Rio Tejo", mas quem sou eu para me meter no caldinho dos outros...
Tenho o fim de semana todo para mim, é a puta da loucura e do descalabro. Que se foda a taça e venha daí mais estragação do corpo (a mente tem andado toda fodida de qualquer forma).
Acho que ainda estou com restos da bezana de ontem, e a esse propósito até veio a calhar bem ter-me perdido do pessoal com quem fui para a Bela Vista. É uma experiência estranha estar sozinho no meio da multidão (Just a voice in the crowd), mas por outro lado é apaziguador poder estar à vontade para ser eu próprio, genuino, sem sentir aquela sensação desagradavel de estar sob o crivo de pessoas que não me interessam para nada. Puta que os pariu, inuteis!
...e assim, meio bezano das bejekas e embriagado com a atmosfera, heis que me salta a veia nortenha cá para fora e como o Norte é uma nação, no meio da multidão não estou só! Ópá. Prazer em vos conhecer. Helder, Eliana e "canalha"... (tocam-me sempre pitas de 25 aninhos, pôrra, que sina a minha, e o cabelo nunca mais fica grizalho para ver se começo a atrair mulheres a sério e deixar as pitas para os outros). O arzinho de xavale é fodido, um verdadeiro pau de 2 bicos (passo o pleonasmo e a carga sexual da expressão). Stª Mª da Feira? 'Tá bem, eu depois passo lá um dia...
Adiante.
Paulo Ganza a cantar Sting (foi a única coisa que faltou), Ivete (saudades de 2004), Amy Bezanahouse para fazer um gajo rir, e finalmente o Kraviz muit'a rock, muit'a louco, muit'a matador!
Depois, olha, os telemoveis lá começaram a funcionar e Ah vocês ficaram aqui? Tótos, eu fui lá para o meio da confusão para apanhar com o bafo da Amy!
Agora olha, arrepende-te de teres vindo de mota e teres que ir para casa bezunto, mas dá-te por contente por teres podido estacionar a mota a 50 metros da entrada do recinto.
Entretanto, passam-me 2 prerrogativas superficiáis pela cabeça:
1 - O é que me deu mais pica, dar 45 Euros pelo bilhete de dia 30, ou ter bilhete de borla para hoje?
2 - O que fazer com o bilhete de borla para dia 5, dou-o a alguém, ou vendo-o para pagar os 45 Euros do bilhete de ontem?
Que se lixe, vou mas é concentrar energias para ver o Jon a encantar as pitinhas.
...e como hoje é Sábado, post, o resto que se foda!
Gaja fragilizada é meia quéca dada, vem nos livros, toda a gente sabe menos a gaja!

ADENDA: Depois de postar estas palavras e de lê-las 2 ou 3 vezes, hesitei em apagar o post, mas decidi não o fazer, porque foi isto que escrevi, foi assim que vivi o dia, foram estas as coisas que me passaram pela alma. Isto é o que eu sou hoje, o que me tornei.
Ficou por dizer que me diverti bastante, mesmo se por dentro estivesse a sangrar.
De facto fizeram um trabalhinho jeitoso comigo, pareço um yogurt fora de prazo.
Vai levar tempo a recuperar...

0 passageiros clandestinos:

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit