segunda-feira, janeiro 03, 2005

Debut VI

O princípio por mim

É voltar

E começar a lutar

Para poder respirar

É o princípio sem fim

Motivação acumulada

Com vontade de vencer

Viver a vida desvairada

Venha lá o que vier

Para nunca me esquecer

Que o princípio não tem fim

Não tem cheiro, nem tem cor

È o princípio do esplendor

Do princípio até ao fim



2003

.

0 passageiros clandestinos:

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit