quinta-feira, março 25, 2010

Overwhelmed


Palavra que não diz tudo, mas que é tanto e é demais, que me inunda o coração e me percorre as veias, que me ecoa na cabeça e ofusca o meu olhar, que me sufoca e paralisa, que me atira ao chão para depois levitar, que me arranca do corpo a alma e me faz voar, sem aterrar, sem parar sequer para respirar, que me dá forças para avançar, e gritar, não engolir sem protestar, e correr como se me estivessem a agarrar, mas mesmo assim ficar, continuar a lutar, e avançar, e vencer!

1 passageiros clandestinos:

Anonymous Anônimo chamou a hospedeira e disse:

lindo

4:04 PM  

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit