quarta-feira, dezembro 23, 2009

Espírito Natalício, sff

Vários presentes depois de chegar a casa e após ouvir 3 CDs de “The blue Nile”, quando a fita-cola acabou e o rôlo de papel de natal ficou mais magro, pousei o último presente que me falta embrulhar antes da festa de natal da empresa, amanhã, e apercebi-me que os presentes que realmente importam, os da família, ainda estão todos por embrulhar, e alguns até ainda por comprar… Reposicionei sem grande sentido algumas figuras do meu original presépio e olhei para o monte de presentes embrulhados e atirados para debaixo da ridiculamente pequena árvore de natal que me enche um dos cantos vazios da sala (só tenho um sofá, uma mesa-de-café e um set de 3 prateleiras mal arrumadas na sala). Senti no fundo de mim, lá no recondido de mim, um toque esbatido de espirito de Natal, já tardava, já cá faltava. Desliguei o interruptor da sala e através do vidro da porta observei a árvore de natal a conferir diferentes tons de luz à parede vazia… tenho que arranjar uns posters um dia destes… já a caminho da cama, da enorme cama que me ocupa mais de metade do quarto, voltei a sentir o tal espirito de natal…
…mas lembrei-me das bestas com quem trabalho e passou-me logo!