terça-feira, fevereiro 01, 2011

Um dever colectivo

Ler o seguinte texto (no link) é facultativo, mas lutar é um dever colectivo.
Muito se escreve no éter, mas paradoxalmente é praticamente tudo o que se faz, e no entanto faz-se fila no coliseu para comprar bilhetes a 30 euros, e vem-se depois protestar na internet, como se do alto de uma catedra, está na moda e dá prestígio. Agora ir para a rua lutar e reivindicar pelo que se escreve, isso é que está quieto, isso sai fora das zonas de conforto, obriga a dar a cara, ou até a dar o corpo ao manifesto, e depois se vem a polícia?
Mas escrevam pá, pelo menos não morrem a parecer burros!

2 passageiros clandestinos:

Blogger Henrique Mário Soares chamou a hospedeira e disse:

Boa patricio, o que faz falta a esta malta é sair do sofá, mas o que está a dar é ser socialmente bem comportadinho. óh pra mim não passam de "marionetas". Eu vou à LUTA.
Um forte abraço do Norte

4:42 PM  
Blogger mfc chamou a hospedeira e disse:

Essa letra é fantástica... e tens razão somos mesmo uns parvalhões.

10:19 PM  

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit