quarta-feira, outubro 21, 2009

Abel vs Cain, a morte de um hipócrita?

...na autoestrada dei gás à peça, parte do caminho foi feita a ouvir um debate na rádio sobre um tal de loureado com o Prémio Nobel da Literatura - um visionário - que aparentemente julgava que, lá porque a liberdade de opinião e de expressão estarem consagradas na Constituição deste muy nobre e soit disant Laico país, que isso é coisa para se poder levar a sério e poder-se assim bradar-se aos céus toda e qualquer opinião... Ora, ora José...
Eu nunca li um livro inteiro do homem, vi o filme "Blindness" sacado dum torrent e o que mais apreciei foi poder imaginar a Julianne Moore envolvida num felatio, e já goza. Mas tenho que confessar que me está a interessar todo este alarido sobre a opinião que o Saramago tem (e destemidamente emitiu) sobre a Biblia, no âmbito do seu mais recente livro; "Cain", e que me faz lembrar de forma algo assustadora aquele episódio do Salman Rushdie e dos seus "Versiculos Satânicos", onde a Igreja Católica em particular se apressou a condenar a atitude radical dos responsaveis do Islão (no Irão) por uma muito parecida opinião de um outro escritor, neste caso sobre o Corão. Recorde-se que Salman Rushdie, também ele loureado com o Prémio Nobel da Literatura, foi condenado à morte por decreto religioso.

1 passageiros clandestinos:

Blogger Larose chamou a hospedeira e disse:

lá diz o ditado ..."não fales do vizinho que o teu mal vem pelo caminho "

e foi o que realmente aconteceu ...mais depressa os apostólicos romanos falavam do Corão ...mais depressa lhes acontece o mesmo !

mas religiões à parte .....há muita guerra por causa das religiões e o que se escreveu nos famosos livros

aliás nunca foram tão falados e de conhecimento público como agora

12:38 AM  

Chamar a hospedeira para Postar um comentário

<< Regressar ao cockpit